23 de julho de 2013

Nova ameaça "sequestra" arquivos e exige US$ 3 mil para recuperá-los

Funcionários de TI do Brasil inteiro estão tendo que lidar com uma ameaça perigosa. Um novo vírus utilizando uma criptografia pesada em arquivos importantes para forçar usuários e empresas a pagarem a partir de US$ 3 mil pela liberação dos dados.

A técnica é chamada de ransomware (ransom significa "sequestro" em inglês), justamente pela estratégia de sequestro de dados e liberação apenas mediante pagamento. A ameaça, neste caso, é identificada como "Anti-Child Porn Spam Protection 2.0".

A página relacionada ao assunto no fórum oficial da Microsoft e avast estão repletas de relatos de técnicos que precisam lidar com este problema em servidores e estações de trabalho. O vírus se manifesta de maneira semelhante em todos os casos, comprimindo arquivos em um .RAR criptografado.

O criminoso oferece um e-mail de contato no Gmail, com o qual é possível contatá-lo para um "orçamento" e também uma amostra de que ele é capaz de quebrar a criptografia. Ele permite o envio de um arquivo pouco importante e leve para provar que ele detém a chave. Os técnicos têm tentado utilizar o método de força bruta para tentar quebrar a senha, mas não têm obtido sucesso, devido à sua complexidade.

Segundo o relato dos técnicos do fórum, a ameaça utiliza o protocolo RDP para se infiltrar na máquina e precisa de privilégios de administrador para realizar os seus procedimentos.

Estas páginas da anvisoft e pandasecurity tentam ajudar os técnicos.

via olhardigital

2 comentários:

Phelipefox disse...

Solução muito simples e Eficaz!

Puxe o computador da tomada e...
— Mãeeee, cadê meu CD do Ubuntu?!?

TutorFree disse...

kkk...

Postar um comentário

 

Copyright © TutorFree Design by Free CSS Templates | Blogger Theme by BTDesigner | Powered by Blogger